Conceito

O Campus Neurológico Sénior nasce com o objetivo de facultar aos doentes, familiares, cuidadores e outros utentes, num mesmo espaço físico, a possibilidade de encontrarem uma abordagem multidisciplinar e especializada para os seus problemas de saúde, preferencialmente, mas não exclusivamente, no domínio das doenças neurológicas, nomeadamente Doença de Parkinson, outras Doenças do Movimento e Doença de Alzheimer. 

O CNS pretende conciliar uma atividade clínica de qualidade com a condução de projetos de investigação e formação de profissionais de saúde, nas mesmas áreas médicas onde desenvolve atividade assistencial. 

Localiza-se na cidade de Torres Vedras e ocupa uma área de aproximadamente dezassete mil metros quadrados, sendo composto por dois edifícios interligados e onde coexistem três unidades complementares: o CNS - Clínica Médica (inclui Unidade de Neuroreabilitação), o CNS - Unidade Residencial e o CNS – Residência Sénior. 

Em termos funcionais, a Clínica Médica presta um serviço de consultas médicas, tratamentos e reabilitação em regime de ambulatório e a Unidade Residencial e Residência Sénior correspondem a estruturas residenciais para utentes com doenças neurológicas ou com mais de 65 anos. 

O Campus Neurológico Sénior foi construído de raíz a pensar nas características e problemas da população a que se destina. 

Encontra-se envolvido por uma área de jardim, também desenhado a pensar nos nossos utentes, apresentando os edifícios umaelevada preocupação de eficiência energética, tendo obtido a classificação classe A.